Seguidores

Recanto das letras

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

A LUA POR TESTEMUNHA...


Enquanto a lua banha de prata toda a terra,
A noite desce, por campos e estradas, sobe a serra,
E lá no alto, abre os braços, faz o sinal da cruz,
Abraça o mundo, louvando ao Mestre Jesus...

E a mata virgem, agora explode em perfumes e cores,
Aproveita a cumplicidade do escuro, brinda aos novos amores,
E no ar se espalha o fértil pólen das flores,
A fera se abranda e se acasala, do vento, se ouvem clamores...

As estrelas surgem no céu, libertas, brilhantes,
Sabem que a noite é efêmera, só lhes dura um instante,
Correm para o mar e se miram neste espelho ondulante,
E ali na imensidão, se convencem que seu brilho é constante...

O universo, com a lua prateada como testemunha, atua,
Os anjos se acomodam nos berços, descem a terra, impura,
O homem na calada da noite, uma guerra manipula,
Em desespero... A natureza chora e gesticula...
Para impedi-lo de cavar... A própria sepultura...

    Lani


98 comentários:

  1. Oi Zilani, é a Vi,amei seu versos, e achei lindo as estrelas se mirarem no espelho ondulante.

    O homem sempre esta cavando sua sepultura, destruindo tudo, não ouve conselhos, só pensa em lucros.
    Boa semana,beijos,Vi

    ResponderExcluir
  2. Que lindo Lani... bonita inspiração e sensibilidade.
    Uma pena que algo tão lindo esteja sendo destruído pela
    própria humanidade!
    Beijos amiga!
    Mariangela

    ResponderExcluir
  3. Inspiração lindíssima!Adorei!Uma ótima semana,beijos,chica

    ResponderExcluir
  4. Olá, Zilani!

    Inspiração e sensibilidade em forma de poema,
    na bonita descrição de como este nosso mundo funciona,
    a fechar com um cheirinho leve a desencanto
    no que toca ao comportamento dos humanos...

    Gostei muito de ler.
    Abraço amigo, e boa semana.
    Vitor

    Vitor

    ResponderExcluir
  5. MAGISTRAL PROFUNDIDAD!!!
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  6. Has pintado ese momento maravilloso que es la noche con su luna y sus estrellas.
    Hermoso Célia.
    Un beso

    ResponderExcluir
  7. Uma noite enluarada é um poema de Deus que silenciosamente mostra a olhos como os seus, Célia, a plenitude lírica de um eterno momento! Lindo poema!
    Bj. Célia.

    ResponderExcluir
  8. Maravillosa Poesía con una radiante noche que sufre ante la maligna mente de algunos humanos.
    Preciosa Composición.
    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  9. Uma noite pra ser apreciada em silêncio. Belíssimo poema Zilani. Bjss

    ResponderExcluir
  10. Uma vida num único momento. E nesse instante, a vida toda errante deixa de sê-lo. Que lindeza esse poema, Zilani! Adorei! Abraços. Daniel.

    ResponderExcluir
  11. Muito bom ler e reler cada verso!
    Lindo, Lani!
    Abraços e uma noite brilhante para você...

    ResponderExcluir
  12. Que lindo poema, Zilani! sensibilidade ao rubro.
    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Bela e intensa inspiração onde a sensibilidade se faz perceptivel.
    Linda construção amiga.
    Bela semana.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  14. Leveza e sensibilidade ,de mãos dadas, neste teu magnífico poema.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  15. Lani querida! Teus versos são sempre lindos! Mas hoje a inspiração veio aos borbotões e jorrou.... "Enquanto a lua banha de prata toda a terra,
    A noite desce, por campos e estradas, sobe a serra,
    E lá no alto, abre os braços, faz o sinal da cruz,
    Abraça o mundo, louvando ao Mestre Jesus..." Que coisa mais linda este verso! E o significado, o alerta em forma de poesia... Lindo demais! Parabéns! Adorei! Um abençoado e feliz início de semana!
    Abraço fraterno e carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Estamos mesmo a cavar a nossa sepultura...
    Gostei muito do teu poema, é magnífico.
    Lani, tem uma boa semana.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  17. O homem é o único que não encaixa perfeitamente no mosaico divino q é o mundo, e assim é por escolha própria do homem. Bjos.

    ResponderExcluir
  18. Lindos versos, quase uma oração! Um dia, a humanidade crescerá e dará o valor devido às dádivas e belezas da natureza.Quem sabe, dará tempo...
    Um abraço

    ResponderExcluir
  19. Boa noite querida!
    Estive um tempo ausente da blogagem, aos poucos volto.
    Lindo poema. Um abraço.

    ResponderExcluir
  20. Bravo, bravíssimo! O canto lindo à noite, a tudo que acontece nas horas em que tudo escurece. Parabéns amiga!

    ResponderExcluir
  21. Pela manhã visita ao meu amigo
    Blogs são muito agradável e bonito
    Eu gostei
    obrigado

    ResponderExcluir
  22. Quem caminha sozinho pode ate chegar mais rápido,
    mas aquele que vai acompanhado de amigos,
    com certeza chegara mais longe.
    Eu tenho certeza a amizade é tudo em nossas vidas
    mesmo na falta de tempo não posso ,
    não quero ficar sem deixar pelo menos um carinho a você.
    Linda semana paz e luz.
    Deus abençoe você hoje e sempre beijos no coração,Evanir.

    ResponderExcluir
  23. Seria tão bom, se o ser humano parasse para pensar e imitasse a natureza...Lindo poema, amiga! Beijos!

    ResponderExcluir
  24. Querida amiga e grande poetisa Zilani!!
    Perdoa-me a invasão desse seu espaço, mas ele me foi indicado por um amigo blogueiro. Seu Blog é maravilhoso e suas poesias belíssimas. Me apaixonei pelos seus textos poéticos. Está de parabéns. Já sou seu seguidor de carteirinha.
    Beijos de luz !!!

    POETA CIGANO - 30/10/2012

    http://carlosrimolo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. Oi Zilani!

    Que triste o clamor da nossa mãe natureza
    pena que o homem insiste em não ouvi-la

    Linda poesia!

    Bjos querida, obrigada tha?

    ResponderExcluir
  26. Deixo aqui meu comentário
    Vazado em forma de trova:
    Só desistirá, o otário,
    Ao sentir seu pé na cova.


    ... e mesmo assim, tenho minhas dúvidas.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  27. Belas e sábias palavras Lani querida ...tristes cegos e surdos que não enxergam nem houvem nas suas ganâncias voluptuosas o choro da vida .... Um beijo minha linda amiga e parabéns Pedro Pugliese

    ResponderExcluir
  28. Maravilhoso poema que adorei. Beijos com carinho

    ResponderExcluir
  29. "Querida Zilani Célia,quando li sua poesia,
    Não tive dúvida,vou seguir-lo.

    "Os anjos se acomodam,
    para lerem sua poema" ...Muito lindo!!!
    Você escreve no recanto também,acho que já me encontrei
    com você,e comentei sua crônica,Meu pai héroi,e várias mais.
    ...Um abração!!!

    ResponderExcluir
  30. great blog, if you like photography ... I invite you to my group on facebook,,, a window to see what I do and see .... tell me what you think ...
    http://www.facebook.com/groups/166168033521201/

    ResponderExcluir
  31. Como todos, amei!!!

    Beijos,

    Sarah

    ResponderExcluir
  32. Se puede sentir la noche en toda su majestuosidad mi querida Zilani, una belleza de poema.
    Te dejo un fuerte abrazo, buen martes.

    ResponderExcluir
  33. amiga, que inspirado poema, tão lirico! e com esta música então, completa a sensação de beleza e leveza...
    beijos

    ResponderExcluir
  34. Oi Lani, lindo poema.
    Tenha uma linda semana, bjs.

    ResponderExcluir
  35. Uma linda poesia,a lua chama para o romance. Na sombra da lua nasce as maiores e melhores paixões.
    Tenha uma ótima semana.

    ResponderExcluir
  36. E a lua está realmente sublime! Pedi até par ela me providenciar alguém. huhuh bjos

    ResponderExcluir
  37. A lua sempre será nossa companheira, enquanto tivermos um sol em nosso coração. Olá minha amiga Zi, passando para dizer que segunda feira já começa a primeira brincadeira no Boas Festas, mas tem muitas mais outras, não vais participar de alguma? beijokas doces no coração.

    ResponderExcluir
  38. A Lua, tem o privilégio de testemunhar os mais belos e calorosos momentos de Amor. A cumplicidade, é perfeita!
    Bela, como a Lua, a sua poesia, Lani.

    um abraço,
    da Lúcia

    ResponderExcluir

  39. Oi Lani,

    Numa única palavra posso traduzir a sua poesia: belíssima!
    A imagem também encanta.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  40. Lani, mais uma linda poesia. E com essa trilha musical do seu blog fica ainda melhor. Beijão!

    ResponderExcluir
  41. visita a este blog
    feliz para visitar e conhecer o seu
    Blogs são muito bons
    aqui eu só quero bverkenalan e visitar companheiro Mundial blogueiro
    boa tarde
    obrigado

    ResponderExcluir
  42. Olá Lani! Gente, eu não consigo deixar seu Blog....estou escutando suas músicas faz um tempão! Que gostoso, boas escolhas vc fez!
    Adorei o poema, Natureza em poesia! Parabéns!
    Beijos e te desejo um ótimo dia!
    CamomilaRosa

    ResponderExcluir
  43. Um belo Poema á Natureza que o Homem teima em matar, cavando (sim) a própria sepultura.


    Beijos



    SOL

    ResponderExcluir
  44. Oi Lani,
    Sou muito ligado a vida e a natureza, portanto, não poderia deixar de aplaudir sua bela poesia.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  45. Guerras simplesmente não deveriam existir...

    ResponderExcluir

  46. ¸.•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•.¸ZILANI¸.•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•
    ::: ( )_( )...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*
    *: (=' :') : MUITOS BJUSSSS NO CORAÇÃO!!!!!
    •.. (,('')('') ¤...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*...*
    ¸.•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•

    ResponderExcluir
  47. E quem não quer ter a LUA por testemunha? Lindo poema minha querida.
    Sua visita muito me fez feliz.
    Abraços!!!

    ResponderExcluir
  48. SIEMPRE UN PLACER LEER SU BELLA POESÍA.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  49. Oi Lani, querida!

    Tenho tido tanta coisa pra fazer!
    Agora, estava mesmo aqui, por perto.

    Obrigada por tua visita e gentis palavras.

    Quanto ao teu pooema, todo ele é natureza, cheiros, pólen, estrelas, etc
    Infelizmente, o Homem tem de ser chamado à razão pela mãe natureza, pra não cair no abismo, não cavando, assim, a sua própria sepultura.

    Beijos, com carinho, da Luz.

    ResponderExcluir
  50. Oi Lani!
    Adorável poesia.
    Uma pena o homem não dar valor a essa natureza exuberante...
    Bjs!

    ResponderExcluir
  51. De mim para ti....
    Do meu blog para o teu...
    http://4.bp.blogspot.com/-MAxZVetK0qo/UJGBQ98BssI/AAAAAAAAJ_I/u91MKNtWzk8/s220/eubabonoteublog_copy_jpg1AZUL.jpg
    Se tu não gostastes...paro de babar....rsrsrsrsrs...
    Beijo-te!

    ResponderExcluir
  52. ¡¡Zuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuups!!
    La luna, la madre tierra, los misterios de la noche, y el hombre que no se da cuenta de lo hermoso que hay que conservar. Espero que no tardando mucho, seamos más conscientes de nuestro derredor, y lo protejamos para la generaciones venideras.
    Un abrazo querida amiga, que maravilla poder leer tus regalos de poemas. ¡¡Gracias... gracias!!
    Un beso muy grande, de la bruxiña MORIMÓ.

    ResponderExcluir
  53. Feliz dia das bruxas! Que sua noite seja mágica!
    Cigana Raicha

    http://ciganaluminosa.blogspot.com.br/
    http://www.facebook.com/elainedossantos.santos.52

    ResponderExcluir
  54. Olá, Zilani.
    Infelizmente, muitas pessoas estão ocupadas demais tentando obrigar as outras a enxergarem o mundo da mesma forma que elas que esquecem de observar a beleza que se esconde em cada folha de árvore e em cada flor.
    Bela poesia.
    Abraço, Zilani.

    ResponderExcluir
  55. Olá!Boa noite!
    Zilani...
    Tudo bem?
    ... temos que "imitar" a natureza, o homem está cada dia mais longe dela, resta procurar o caminho de volta, antes que seja tarde demais...
    Obrigado!
    ótima quinta feira!
    Beijos

    ResponderExcluir
  56. Olá, Zilane. Ando em falta, desculpe. Obrigada pelo seu carinho! Adorei vc por lá. Está lindo seu cantinho! Um belo poema e imagem. Parabéns por tão belos versos! Muita paz e todo meu carinho sempre. Beijos e ótimos dias!!

    ResponderExcluir
  57. A lua menina,,,silenciosa..guarda segredos enquanto encanta a alma e a poesia...beijos amiga e um dia de paz pra ti.

    ResponderExcluir


  58. Palabras e ideas que brotan del techado como un susurro y tan dulces que se parecen a un beso...

    El que te envío en este instante, para felicitarte el fin de semana y seguir cultivando en armonía la semilla de la cordialidad, que es alimentada con el rocío de las estrellas…

    Atte.
    María Del Carmen



    ResponderExcluir
  59. Olá Zilane, tudo bem? Legal vc ter ido me visitar, estou retribuindo sua visitinha :D
    Mto lindo seu blog... parabéns!
    é sim, sou amiga da Lindalva alguns anitos já...ela é uma querida até aqui na minha casa já veio...pena que esse ano não nos encontramos :/
    um bjinho e fica na paz...

    ResponderExcluir
  60. Boa tarde!
    Passando só pra dizer que o seu blog continua mega maravilhoso de bom....de ler, navegar e refletir.
    Abraço fraternal
    Nicinha

    ResponderExcluir
  61. Meu nome é António Batalha, estive a ver e ler algumas coisas de seu blog, achei-o muito bom, e espero vir aqui mais vezes. Meu desejo é que continue a fazer o seu melhor, dando-nos boas mensagens.
    Tenho um blog Peregrino e servo, se desejar visitar ia deixar-me muito honrado.
    Ps. Se desejar seguir meu blog será uma honra ter voce entre meus amigos virtuais, decerto irei retribuir com muito prazer. Siga de forma que possa dar com seu blog.
    Deixo a minha benção e a paz de Jesus.

    ResponderExcluir
  62. *。¨* ✫ ” ✫. ☽¨¯*。.☆¨*。¯`☆¸.✫˚¯`☆
    Passando para desejar um bom feriado
    e um final de semana cheio de muita luz
    Agradeço sempre sua amizade, e parabéns pelo
    que posta para agradar nossa alma
    Lindo poema
    Abraços com carinho
    Rita
    *。¨* ✫ ” ✫. ☽¨¯*。.☆¨*。¯`☆¸.✫˚¯`☆

    ResponderExcluir
  63. Belíssima obra. Criativa e política, nos deixando belas reflexões.
    Grande abraço e sucesso!

    ResponderExcluir
  64. E a lua lá vai...observando de longe a insensatez do homem, impotente, mas ao mesmo tempo tentando através das suas diferentes fases chamar a nossa atençaõ para a beleza do firmamento, para o brilho das estrelas para a sua própria beleza; é bela quando se nos apresenta cheia...grandiosa na sua claridade imensa; dizem até que nos está a convidar ao amor...à paixão. Mas depois, lá vai ela sumindo aos poucos, ficando mais escurinha, mais apática...parece que fica tristonha a lua; afasta-se de nós...ou será que somos nós a afastar-nos dela? Somos nós sim...nem sempre estamos dispostos a observar com atenção a beleza da natureza, a beleza da vida. Mas...a lua não desiste...voltará com certeza com toda a sua claridade para tentar encher de luz o coração dos homens. Espero que comecemos a entender os sinais que a cada fase a lua nos dá...que a natureza nos transmite em cada estação; afinal somos natureza....com estações...somo lua também com as nossas fases. Lindo, amiga!!! Beijinhos e parabéns também pelas músicas.
    Emília

    ResponderExcluir
  65. Oi amiga fui presenteada com 2 novos selos e quero
    te presentear também, fique a vontade para aceitar ou
    não, mas saiba que é dado de coração. Grande bj.
    http://poesiasesonetos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  66. Que lua maravilhosa esta que nos apresentastes. Amei!
    Fiquei muito feliz em chegar aqui. Um abraço!

    ResponderExcluir
  67. Olá!Boa noite!
    Zilani...
    agradecendo o carinho da visita e desejando um ótimo final de semana!Bençãos infinitas!
    Beijos

    ResponderExcluir
  68. Olá Zilani, e que tudo esteja bem contigo!


    É como Dizem, toda ação provoca uma reação, a natureza cansa de avisar ao homem, ele não ouve. Assim ela natureza iluminada pela lua, segue testemunhando toda maldade humana, nua e crua!

    Tem sido sempre um prazer estar por cá, belos escritos compartilhados por você bem como belas imagens, parabéns!

    E grato por tuas gentis visitas e comentários eu desejo a você um viver de felicidade intensa, abraços e até mais! intensa, abraços e até mais!

    ResponderExcluir
  69. Mas o Homem não aprende que estáa perto o Fim...

    Bom alertar, para despertar consciências.

    Um beijo meu
    BShell, a concha....

    ResponderExcluir
  70. Bom dia minha Amiga...
    ... deixe-me partilhar consigo este poema da poetisa angolana Maria Joana Couto, que nos fala da noite e que acho lindíssimo.

    NOITE LINDA

    não soube com certeza o que dizia
    quem afirmou que a noite é sempre feia!
    é sempre bela, a noite que anuncia
    o fim dum dia triste que se odeia!
    é feia a que sucede ao belo dia
    risonho e que não sai da nossa ideia!
    que traz consigo a dor da nostalgia...
    a que a alma afeita, a sós pranteia!

    mas porque encontro em ti, a noite linda?...
    tão linda como a luz da lua infinda,
    cercada de estrelinhas, na amplidão?

    é porque muito alto junto a deus
    diviso a meiga luz
    dos olhos teus...
    que torna clara, a meiga escuridão!

    Maria Joana Couto

    ResponderExcluir
  71. Olá,Zilani!!

    Infelizmente o homem não escuta os pedidos da natureza!
    Belíssima poesia com profundidade e com forte senso social!
    Beijos! Bom final de semana!

    ResponderExcluir
  72. Boa tarde amiga querida !!!
    Amiga inspiradora ,que traz a lua para mais perto de nós,com esse poema iluminado...uma explosão nos versos que fez um dos teus escritos mais que belo...
    bjsssssssssssssss

    ResponderExcluir
  73. Zilani
    Graças a Deus a lua nos inspirA sempre!
    comc arinho Monica

    ResponderExcluir
  74. AMIGUXA
    Passando para agradecer sua presença constante no meu blog.Tenha uma Boa tarde, com harmonia, Alegria e muita energia!
    A vida é um presente,
    O presente é o agora,
    Viva seu dia contente,
    Muito feliz, sorridente,
    Com quem você tanto adora!
    Ana

    ResponderExcluir
  75. Oi Zilani, já te adicionei mas a foto não apareceu mas estou cadastrada. Um beijo amiga e obrigada por me seguir neste outro blog. Até!!

    ResponderExcluir
  76. Lani,
    uma belíssima ode à criação divina, ao mesmo tempo, aponta os desvarios dos homens.
    Aplausos por mais esta maravilhosa criação.
    Bom fim de semana.
    Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
  77. Oi Lani,

    Que feriadão!
    Espero que seu feriado esteja a decorrer o melhor possível, tal como seu fim de semana.

    Abraços da Luz, com estima.

    ResponderExcluir

  78. Olá Zilane,

    Passando para lhe desejar um maravilhoso final de semana.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  79. Lani querida! Passando pra agradecer o carinho e desejar um abençoado e feliz fim de semana!
    Abraço fraterno e carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  80. .

    .

    . uma prece . que assim se tece de azul e prata .

    . e as palavras são de oiro .

    . um beijo meu .

    .

    .

    ResponderExcluir
  81. Dizer o que desse poema onde tantos e tantos amigos já disseram tudo? Além de ser pobre com palavras, o que mais posso dizer?

    ResponderExcluir
  82. Olá Célia, bom dia!
    Que poema lindo!... Parabéns!
    Beijos e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  83. Zilani!
    Excelente final de semana pra vc.

    bjs

    ResponderExcluir
  84. Oi minha querida amiga passando para te desjar um ótimo fds,
    parabéns linnnnnnndoooooo amei!!!! beijos fica com Deus

    ResponderExcluir
  85. São mudas as neblinas nesta ilha
    É de pobreza o pão que alimenta o meu sentir
    Oiço o mar com os meus próprios dedos
    Parti do desencontro dos meus derradeiros medos

    Parti e deixei no cais mil dúvidas
    Lembrei tempos que corri feliz pelas amoras
    Nesses dias bebi sofregamente a vida
    Nesses dias a minha alegria era incontida

    Um radioso fim de semana


    Doce beijo

    ResponderExcluir
  86. Boa noite amiga Zilani, estou passando pelo seu cantinho para agradecer sua visita, e desejar para você um feliz fim de semana. Com muita saúde, paz, amor e alegria.

    Enquanto a lua banha de prata a terra
    E a água corre nos rios para o mar
    Vinda do nascente lá do alto de serra
    E o sol o novo dia, com alegria iluminar!

    Um beijinho
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  87. Muito interessante o Blog !
    Muito difícil encontrar na “ blogosfera “ espaços originais e bacanas como este !

    Deixo aqui meu espaço, caso queria dar uma olhada, seguir...

    http://www.bolgdoano.blogspot.com.br/

    Muito Obrigada, desde já !

    ResponderExcluir
  88. Lani isto é lindo demais, o que comentar? fico aqui sem vontade de ir-me embora, ouvindo esta música linda, beijos Luconi

    ResponderExcluir
  89. Lndo, Zilani. E triste. Enquanto a natureza acontece, o homem vai tramando destruir a si mesmo. beijos, amiga.

    ResponderExcluir
  90. O Homem a quebrar o equilíbrio natural da vida. Lindo poema. Abraços

    ResponderExcluir
  91. Preciosismo captando a verdade impura.Encantei-me com tua sensibilidade e lirismo.
    Bjs Eloah

    ResponderExcluir
  92. Olá Zilani,como vai?
    O homem sempre pensando...não em "ser",somente em "ter".
    Belíssimo poema.Parabéns!
    Lembrei de Drummond ao ver essa Lua tão linda:"Eu não devia te dizer, mas essa lua, mas esse conhaque,botam a gente comovido como o diabo"...
    Um beijo pra você e boa semana!

    ResponderExcluir
  93. Boa noite minha querida, passando para te desejar uma semana de vitória que vc tenha muitos motivos pra sorrir.
    Optchá!
    Cigana Raicha
    http://ciganaluminosa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  94. Graça e paz,

    Estou seguindo seu blog, muito bom.

    Meu blog http://tcassimiro.blogspot.com.br/
    Agradeço caso possa seguir e divulga-lo.

    ResponderExcluir
  95. Olá amiga, bom dia!
    Hoje estou visitando meus blogs amigos.
    Que lindo poema! Parabéns!
    Lindo e profundo...
    Um grande beijo, que Deus a abençoe.
    Com carinho...Adelisa.

    http://adelisa-oquerealmenteimporta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  96. Tudo é tão belo em seu curso natural! O desequilíbrio chega com os homens, insensatamente. Bjs.

    ResponderExcluir

Obrigada por sua visita!

Seu comentário é sempre bem-vindo!

Beijos, Zilani Célia.