Seguidores

Recanto das letras

quarta-feira, 30 de julho de 2014

TATUAGEM AO LUAR...

  
  
Num ritual, solitário e sagrado,
Em bela noite de luar,
Tatuou o nome dela, no corpo,
O sangue lavou no mar...

A água tingiu-se de vermelho,
A lua refletiu, como se, um espelho,
O rosto pálido, os lábios crispados,
E, adeus, a sofrimentos represados...

As lágrimas, formaram grandes ondas,
Que correram céleres, jogando, espumas brancas,
Encobriram a cena, prevendo o gesto impuro,
Não deixaram ninguém ver, tornaram o dia, escuro...

Lançou-se ao mar, alma estática, corpo ereto,
Entregou-se ele, do sofrer liberto,
Brilhou, no peito ferido, o nome escrito,
Gravado com o sangue... Que por ela, foi vertido...

          Lani              (Zilani Celia)




79 comentários:

  1. Eis um poema intenso, mas muito bonito. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Passando para agradecer a sua visita e desejar um ótimo fim de semana. Beijos.

      Excluir
  2. Boa noite Zilani Celia

    Um Soberbo pema, onde hoje, me identifico! Parabéns, muito belo.

    Beijinhos
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  3. Belíssimo poema que caminha junto a um grande amor e, evidentemente só poderia ter "My Way" como trilha sonora... Sonhos que retornam...
    Abraços.

    ResponderExcluir
  4. ✿✿º°。 Bonjour et merci pour ce poème qui est triste, intense et beau !!!
    SUPERBE !

    Bonne journée et GROS BISOUS d'Asie pour toi !!!! 。♡♡彡

    ResponderExcluir
  5. Boa noite querida amiga e sempre um enorme prazer ler os seu belos poemas ,cada palavra escrita com muita dedicaçao e ternura que tanto enaltece essa pessoa maravilhosa que voce e ,muitos beijinhos Lani

    ResponderExcluir
  6. Tatuagem ao luar,
    em noite de céu limpo
    com as estrelas a brilhar
    o seu poema é lindo!

    Não o venho criticar,
    venho sim aplaudir
    minha amiga venho visitar
    quero ver você a sorrir!

    Um beijo vou deixar,
    para você receber
    aqui irei voltar
    para outro poema ler.

    Eduardo,

    ResponderExcluir
  7. Olá, Zilani!
    Um belo e elegíaco poema.
    Abraço meu

    ResponderExcluir
  8. Oi, Zilani...metáforas do desespero que o amor pode causar...mas, as ondas do mar que representam a vida possam salvar de uma agonia e lavando o sangue derramado possam salvar a alma no renascer de uma nova realidade..Assim espero, pois as ondas vão e vem...
    Um abraço

    ResponderExcluir
  9. Lindo e triste.

    Porém, dizem que é doce morrer no mar...

    Beijinhos, Lani, tenha uma bonita semana,

    Lígia e =^.^=

    ResponderExcluir
  10. ¡Hola, Célia!!!

    Preciosos versos nos dejas, un tanto melancólicos que dan para meditar y soñar despierta.

    El mar y la luna, amigos siempre del poeta. Felicidades, Zelani.
    Ha sido un inmenso placer pasearme por tus letras.

    Te dejo mi gratitud y mi estima siempre.
    Se muy muy feliz y, hasta septiembre. Nos vemos eh!.

    Chauuuuuuuuuuuu

    ResponderExcluir
  11. Belíssimo!!!
    As palavras, as rimas... o sofrimento colocado dessa forma poética fica até lindo e eu... visualizando tudo aqui...

    Abração esmagador e lindo dia.

    ResponderExcluir
  12. Oi Zilane!
    Que beleza de poema que tocou fundo em min'alma...
    E que essas ondas também possam purificar todas tristezas e trazer somente as alegrias, amiga.
    Grande beijo, e um abençoado dia.
    Mariangela

    ResponderExcluir
  13. Poema narrativo cheio de significado e sentimento. Ao luar tudo brilha mais, até o sangue...
    Beijo.

    ResponderExcluir
  14. Oi querida Lani, passando para lhe desejar uma boa semana, beijos!!

    ResponderExcluir
  15. Forte e bonito!!! Uma liberdade desesperançada...
    Um abraço grandão, Lani...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Volto p agradecer o carinho por lá e deixar o meu abraço...
      Boa noite e boa 5a feira, Lani!

      Excluir
  16. Tem pessoas que marcam a nossa vida feito tatuagem, e que carregamos pra sempre no peito.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  17. Zilani, só a poesia é capaz de transformar momentos tristes em lindos versos. Bjus amiga

    ResponderExcluir
  18. Oi Zilani
    O mar guarda mistérios como descrito no poema e é capaz de transformar tristeza em admiração, quão lindo ele é,
    Gostei muito.
    beijos

    ResponderExcluir
  19. Mais uma vez o teu texto tocou-me...
    os meus parabéns por essas palavras tão belas!

    bjxxx

    ResponderExcluir
  20. Um poema lindo ,significativo com a intensidade do mar e a suavidade deste "My Way"...
    Beijo
    Graça

    ResponderExcluir
  21. Oi Zilani,
    Que linda inspiração romântica!
    Felicidades para você!

    ResponderExcluir
  22. Naquele ritual ficou marcado o compromisso maior.
    Narrativa poética brilhante.
    Uma boa noite, Célia.

    ResponderExcluir
  23. Oi, Zilani!
    Apesar de trágico, muito bonito!
    Beijus,

    ResponderExcluir
  24. Triste, trágico, um grande poema. Um final de um filme. Excelente.

    ResponderExcluir
  25. Triste, lindo, perfeito!
    Grande abraço, sucesso e um ótimo final de semana!

    ResponderExcluir
  26. Dramaticamente intenso, Zilani!
    Gosto muito da tua forma de escrever, nunca deixando ninguém indiferente, e cada poema é sempre uma grande novidade.
    Parabéns!
    xx

    ResponderExcluir
  27. Intenso e lindo! Bom final de semana! Tetê

    ResponderExcluir
  28. É, tudo de belo, de triste e de dramático já foi dito, e My Way pra fechar com chave de ouro um poema lindo!
    Beijo, Zilani!

    ResponderExcluir
  29. Olá, só estou passando pra te desejar um Ótimo final de semana! bjs
    Lorena

    ResponderExcluir
  30. Poema que mescla tristeza com beleza, Zilani. Mt bonito. bjs e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  31. Hoje estou passando para agradecer
    sua amizade, desejar sempre o melhor
    pra vc, e fazer um convite para
    participar do sorteio que vou fazer
    pelo niver do meu Blog, são 3 anos
    de muita alegria, venha festejar comigo....

    Abraços de bom final de semana
    Bjusss

    (¯`´¯)
    `*.¸.*´
    ¸.•´Rita

    ResponderExcluir
  32. Zilani Célia
    Que lindo seu Cantinho! Gosto de vir aqui! Este Poema então é muito belo!
    Agradeço sua visita e palavras de incentivo.
    Gosto de escrever Contos, mas ainda sou principiante na "Arte das Letras". Gostaria de uma gentileza sua: Se tiver um tempinho, poderia ir no meu blog Escritos de Zui e ler os quatro contos que escrevi, depois avaliar os dois melhores. Se não gostar de nenhum pode dizer também, pois é muito importante a opinião dos leitores, principalmente escritores como você. Estou treinando na escrita de contos.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  33. Poema muito lindo,cheio de dramaticidade! Adorei te visitar! bjs,

    ResponderExcluir
  34. OI DOCE ZILANI!
    MARAVILHOSO O SEU POEMA, AMEI DEMAIS E FIQUEI MUITO FELIZ COM A SUA PRESENÇA NO MEU BLOG, DESCULPA SE DEMOREI PARA RESPONDER MAS , ULTIMAMENTE TENHO VINDO POUCO AOS BLOGS POIS ESTOU FAZENDO VÁRIOS EXAMES DE SAÚDE { OBRIGADA PELOS MEUS FILHOS QUE NÃO QUEREM ME PERDER COMO PERDERAM O PAI RECENTEMENTE} FAÇO A VONTADE DELES POIS SÃO A MINHA VIDA , O MEU CONFORTO NESSES TEMPOS DIFÍCEIS PARA MIM!
    OBRIGADA QUERIDA PELAS SEU CARINHO!
    DEUS A ABENÇOE
    TE DESEJO UM ÓTIMO FINAL DE SEMANA!
    BEIJOS NO SEU LINDO CORAÇÃO!

    ResponderExcluir
  35. Gostei muito Zilani. Um beijo grande e um bom domingo prá você!!

    ResponderExcluir
  36. Zilani , gostei demais do poema . Fez-me lembrar letra de música do Chico Buarque : " Quero ficar no teu corpo como tatuagem , que é para te dar coragem de seguir viagem quando a noite vem . " Agradeço a partilha e suas visitas generosas ao meu espaço . Beijos .

    ResponderExcluir
  37. Como eu adoro as tuas palavras....

    beijos e bom domingo

    ResponderExcluir
  38. Belo momento de poesia....Espectacular....
    Cumprimentos

    ResponderExcluir
  39. Um poema pleno de nostálgia e beleza.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  40. Bravo!!!!!
    Lindo poema!
    Cheio de sentimentos de todas as formas.
    Bjus
    http://www.elianedelacerda.com

    ResponderExcluir
  41. Querida Lani
    Quando o Amor é intenso e existe separação...tudo pode acontecer!
    Foi um fim trágico,mas gostei muito do poema.
    Um hino ao Amor!
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderExcluir
  42. ✿ ✿ Je passe te dire BONJOUR

    Je t'embrasse fort !!! !!!! 。♡♡彡
    Bon début de semaine !!!!
    ☆ ★ ☆

    ResponderExcluir
  43. Querida Zilani.
    Que poema marcante, muito bom. A minha filha vive me enchendo para liberará para colocar uma tatuagem, como queria que ela desisti-se desse ideia rsrs,mas acho que vou ter que autorizar, afinal criamos os nossos filhos para o mundo, e sabemos que ele deve tomar as suas próprias decisões. Vim lhe desejar um feliz agosto.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  44. Felici vacanze per te...un abbraccio.

    ResponderExcluir
  45. Lindo Zilani. O retrato de um amor sem limites tão bem descrito em versos. Bjs

    ResponderExcluir
  46. Olá, Zilani!

    Desgosto imenso consumado em tragédia, a fazer lembrar outros amores que ficaram na história...

    E está muito bem construído o texto.

    Um abraço e boa semana.
    Vitor

    ResponderExcluir
  47. Um poema mtº. profundo, e triste, retratando momentos de
    vida. Desejo que esteja bem.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderExcluir
  48. Triste, mas nem por isso menos belo.
    As palavras tem tanto poder...
    Parabéns pelo seu dom.


    Um beijo e seja sempre bem-vinda no Reciclar e Decorar

    ResponderExcluir
  49. Apesar de triste e sofrido, é um poema lindo ...

    Abraços!
    My

    ResponderExcluir
  50. Lindo e intenso, como tudo o que você escreve, Lani!
    Boa semana, amiga, beijos,
    Valéria

    ResponderExcluir
  51. Lindo demais! Obrigada pela visita! Tetê

    ResponderExcluir
  52. Oi Lan, vim lhe desejar uma bom semana, beijos!

    ResponderExcluir
  53. Que linda poesia ao som de um doce musical. bjsss

    ResponderExcluir
  54. Que sua semana seja abençoada
    e repleta de realização.
    Um caminho florido para você caminhar
    em paz é tudo que desejo para você.
    Tenho estado um pouco ausente mais
    nada fará com que eu esqueça seu carinho.
    Um abraço com muito carinho.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  55. ✿ ✿ Un petit bonjour sur ton joli blog !!!

    GROS BISOUS à toi ≧^◡^≦
    Bon mardi !!!!
    ☆ ★ ☆

    ResponderExcluir
  56. Não imaginas mesmo o quanto essas palavras fazem todo o sentido para mim...

    Bjxxx

    ResponderExcluir
  57. Passando pra desejar um lindo dia.
    com abraços

    ResponderExcluir
  58. Belo e intenso, Zilani! Como, aliás, sempre são os seus textos! Boa semana, amiga.

    ResponderExcluir
  59. que poema tao bonito e tao intenso!

    Portuguese Girl with American Dreams
    http://fromportugaltonyc.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  60. Palavras gentis podem ser curtas e fáceis de falar, mas seus ecos são verdadeiramente infinitos.
    (Madre Tereza de Calcutá)
    Obrigada pela visita carinhosa!!!
    Beijos Marie.

    ResponderExcluir
  61. Vim reler seu belo poema e agradecer sua visita tb! bjs,

    ResponderExcluir
  62. Dizem que a vida é como as marés, umas vezes altas outras baixas. Assim é o amor também. nem sempre ele nos traz felicidade,; mas faz parte da vida e sem ele não podemos seguir em frente. Um beijinho, querida amiga e as minhas desculpas pela ausência. estamos no verão ( que aqui é muito curto) e. claro, temos de o aproveitar bem. No entanto, não esqueço os amigos e de vez em quando aparecerei. Fica bem e até sempre. beijinhos
    Emília

    ResponderExcluir
  63. Um poema forte e trágico.
    Mas gostei, é magnífico.
    Lani, tem um bom resto de semana.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  64. Olá, querida Zilani
    As lágrimas rolaram em minha face me deixando inundada e gostei muito ode ler o verso que me fez retomar ao passado e ver que a tempestade se acalmou...
    Bjm fraterno de paz e bem

    ResponderExcluir
  65. Olá Zilani!!

    Que coisa bonita esta passagem...nada fácil e poucos conseguem se atirar novamente no caminho da vida...lembrei de coisas...rs

    []s

    ResponderExcluir
  66. Belíssimos mas tristes os seus versos, Zilani
    A trilha sonora, perfeita!
    Tudo lindo demais!
    Deixo um beijinho carinhoso para tí e afagos para Candy
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
  67. Boa tarde,
    Na minha opinião não existe poemas tristes nem alegres, existe sim, o que é escrito com verdadeiro sentimento que espelha a alma em cada palavra escrita pelo poeta, depois existe o que é simplesmente escrito para impressionar sem qualquer sentimento, considero eu, que os bons poemas são os que revelam a personalidade do poeta.
    Seu poema é maravilhoso que foca a realidade.
    Dia feliz
    AG
    http://momentosagomes-ag.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  68. Tatuou na pele o que no coração já estava fincado.
    bjs tenha um bom dia.
    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  69. Tatuagem que é mais uma cicatrizes ainda em estado de dor.
    Um belo trabalho Zilani.
    Inspiração acelerada e bela.
    Meu carinhoso abraço de paz e luz.

    ResponderExcluir
  70. Muito bom, Zilani!
    Parabéns!
    Bjo :)

    ResponderExcluir
  71. Bom dia, Lani. Comentarei nos poemas que ainda não comentei, por essa razão, fique atenta.
    Belíssimo poema com a marca da profundidade a qual já te acostumaste a escrever.
    Intensamente triste e profundo.
    Tatuagens não saem, quando tentamos apagá-las sempre ficam as marcas.
    Parabéns.
    Beijos na alma e linda semana de paz.

    ResponderExcluir

Obrigada por sua visita!

Seu comentário é sempre bem-vindo!

Beijos, Zilani Célia.