Seguidores

Recanto das letras

sábado, 24 de maio de 2014

O CANTO DO PASSARINHO...



Escuto um pássaro, cantar ao longe,
Acho tão lindo presto atenção, ele se esconde,
Onde estará e chorará por quem?
Só um coração triste, tamanha tristeza, contém...

À medida que o ouço, algo me vem à mente,
Como tão pequenino, cantar assim tão pungente,
Emociona quem o ouve, ecoa tão longe,
Um lamento, que soa, dolorosamente...

O som, de uma grande árvore vinha,
Vi seu ninho vazio, seria por isso que choraria?
Ou, quem sabe pela poluição, que a cidade encobria?
Talvez pelo menino, que esmola na esquina pedia...

Daquela tarde no parque ainda lembro,
O tempo vai longe, mas, não esqueço o pobrezinho,
Nunca saberei, por que chorava o passarinho,
Mas, sei que não era canto... Era sim... Um sentido pranto...


          Lani            (Zilani Celia)

66 comentários:

  1. Hoje no meu jardim apareceu um passarinho caído do ninho senti o desespero dos pais por perto, felizmente consegui que ele se segurasse nos ramos e fosse subindo para os pais o alimentarem. Não houve mais pranto no jardim mas sim um final feliz.
    Lindo o poema!
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. O cantar ou o lastimar de um pássaro é pureza de sentimento gratuita a nos brindar. Insensíveis, muitas vezes, não percebemos...
    Abraço.

    ResponderExcluir
  3. MUY TRISTE TEXTO. PERO BELLO.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  4. Oi Zilani como é bom vir aqui, depois de tanto tempo longe do meu blog e do convívio com vocês. E que lindo poema!
    Um canto de pássaros, seja ele de alegria ou de tristeza, é presente de Deus para alegrar nossos corações! É sempre muito lindo podermos observar as cantigas ao nosso redor.
    Um grande abraço!
    Mariangela

    ResponderExcluir
  5. Um canto de pássaro mesmo chorando a nossa dor, traz felicidade, Um poema singular de belo.
    Abração, poeta!

    ResponderExcluir
  6. Um Poema sentido que nos alerta para a poluição e para a sobrevivência dos seres vivos, desprotegidos perante tanta inconsciência.

    Gostei muito, cara Zilani.

    Bj

    Olinda

    ResponderExcluir
  7. Oi Zilani!
    Lindo! Um poema um pouco triste, mas não deixa de ser muito lindo, amei!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Zilani acho que também consigo identificar um canto de passarinho...é triste quando parece ser assim aflito.
    Gosto tanto das suas poesias me fazem refletir muito.

    Um grande beijo *-*

    ResponderExcluir
  9. Minha linda ! Vim para te dar aquele abraço cheio de paz. Abraços iluminados sempre,..

    ResponderExcluir
  10. Nada como começar o Domingo a ler boa poesia. Adorei

    Bom dia

    Beijo, e um bom Domingo.

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  11. Obrigado pela visita e gentil comentario.

    ResponderExcluir
  12. Olá, Zilani!

    Choraria certamente por alguma coisa ou alguém...e certamente com razão.

    Sensibilidade à flor da pele, neste bonito poema.

    Um abraço e bom Domingo!
    Vitor

    ResponderExcluir
  13. Que versos tão ternurentos! Coitadinho do passarinho!
    Bom domingo, Zilani.

    ResponderExcluir
  14. Fiquei triste com o seu lindo poema, Zilani.
    Beijos,
    Renata

    ResponderExcluir
  15. Muito bonito, Lani! Os pássaros cantam e expressam as suas encantadoras mensagens...
    Poetou com a alma, coração...
    Beijos ( Estive recentemente c a Chica, não sei se comentei c vc! Foi JOIA! Conto um pouco nos posts do dia 14 e 19/maio...)
    O meu abração...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo carinho por lá... Que bom que gostou do nosso encontro! Chica é mesmo uma pessoa AMIGONA...
      ABRAÇOS, LANI...

      Excluir
  16. Amiga apesar de triste é bonito
    e só de pensar ou ouvir o cantar
    dos passáros jé anima um pouco
    Acho divino o canto deles

    Bom domingo bjusss

    └──●► *Rita!!

    ResponderExcluir
  17. Querida Zilani ... ese pajarito me tiene loca de amor. ¡Precioso !!
    Muchos besos de luz.
    FELIZ DOMINGO !!

    ResponderExcluir
  18. Oi Zilani,
    Ah! Quem me dera compreender o canto dos pássaros!
    Então, só nos resta lamentar com eles as mazelas do mundo!
    Felicidades para você

    ResponderExcluir
  19. Que belo momento querida amiga ,talvez fossem lagrimas de desespero que tanta angustia lhe causava ,um momento de eternas saudades desse tempo ,muitos beijinhos Zilani

    ResponderExcluir
  20. Olá, Zilane. Que belo sentimento! Os passáros sempre encantam com seus cantos e não sabemos se é alegria ou tristeza, más o certo é que emociona! Obrigada querida! Sua sensibilidade e carinho fáz vc tão especial. Eu tenho esse prazer todas as manhãs acordo com eles e isso me faz feliz! Bjos e muito carinho para vc. Bom domingo e semana!

    ResponderExcluir
  21. É Zilani,talvez até os passarinhos sintam tristeza e chorem sua mágoas nas árvores,já pensou como choraria um passarinho trancado numa gaiola?Um beijo!

    ResponderExcluir
  22. Um poema elegíaco dum passarinho que canta chorando porventura quando os amigos se vão e fica de novo sòzinho. Será!? De qualquer modo gosto deste passarinho.
    Um abraço, Zilani amiga!!

    ResponderExcluir
  23. Nos faz pensar na realidade, beijo Lisette,

    ResponderExcluir
  24. OI, Zilani...talvez fosse um anjo disfarçado em passarinho...só assim.
    um abraço

    ResponderExcluir
  25. Deveria ser sempre de alegria o canto dos pássaros, mas também ele s sofrem. É a poluição, o desmatamento, o predador. Toda a natureza se manifesta quando algo não vai bem. Bjs.

    ResponderExcluir
  26. Num mundo que não respeita oos seres humanos, os animais, ou a própria natureza, os pássaros só podem sentir mesmo vontade de chorar. Daí o seu canto surgir como um triste pranto.
    Belíssimo poema, Zilani!
    xx

    ResponderExcluir
  27. Querida Lani,
    Teus poemas são bálsamos para nossas almas, quer eles serem alegres ou mesmo tristes lamentos como este passarinho.
    Obrigada pela visita ao meu blog. É como dizes, um prazer termos essa visão diária. Essa passarela fica a 60 metros de nossa casa, bem no final da rua. Já gostei muito de praia, hoje prefiro o sítio. Minha filha é quem reside lá,mas vamos seguidamente no verão. Bjs.

    ResponderExcluir
  28. Quanta sensibilidade revelada, neste poema, Zilani. Emociona!
    Gostei imenso.
    Bjo :)
    (Tenho um canário que "herdei" por morte de um tio muito querido. No seu canto/pranto, é meu tio que vejo...)

    ResponderExcluir
  29. Que pérola de poema,Zilani.

    Faz me emocionar ao ler e pensar em quão verdadeiro pode ser esse canto_pranto!

    Amiga poeta.Vc se supera dia a dia.Agradeço sua visita e incentivo,linda.

    Beijos e uma semana de alegrias

    Donetzka

    Face Book:


    https://www.facebook.com/donetzka.cercck

    Twitter: @donetzka13


    Blog Magia de Donetzka



    ResponderExcluir
  30. Provavelmente choraria pela própria vida, tão cheia,de contradições e sofrimento.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  31. Boa tarde
    Que belo poema , adoro ouvir o canto dos
    passaros, eles tem muita alegria pra nos transmitir , e são cuidados por Deus.
    beijinhos e boa semana pra ti.;
    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  32. Uma triste e linda poesia.
    Pior que acontece muito. Filhotes abandonados por ação do bicho homem que caça as mamães e ninhos vazios por ação dos predadores, esta pelo menos, faz parte da natureza.

    Histórias, estórias e outras polêmicas

    Lani: Já conhece o Boteco de Blogueiros é um projeto novo, tem 2 meses.
    Navegue por lá... apresentação, quem somos, posts e conheça um pouquinho. Quem sabe não se interessa em postar algo conosco.

    Bjs

    ResponderExcluir
  33. (^‿^) ❀

    Hello et MERCI pour ce beau partage !

    Je suis heureuse de découvrir ton blog !

    GROS BISOUS d'ASIE !!

    ResponderExcluir
  34. Oieee , vim convida-la para o sorteio na minha página , hoje é o último dia, beijosss

    http://cantinhodaselminha.blogspot.com/2014/04/sorteio-aniversario-do-blog.html

    ResponderExcluir
  35. Olá Zilani, boa noite! Que lindo e doce poema você fez, apesar do canto chorado pelo pássaro, só uma alma sensível para compor tão belos versos... Aqui acordo todos os dias com o cantar do bem-te-vi e de outros pássaros, como amo isso, esse cantar alegra meu coração e me acalma a alma...
    Beijos com carinho e desejo de uma linda semana de paz.
    Marilene

    ResponderExcluir
  36. Olá Zilani
    Gosto dos seus Poemas e por isso tenho seu blog em minha lista de blogs. Este do Passarinho é triste e lindo! Agradeço por me seguir e pelas mensagens!
    Abraços.

    ResponderExcluir
  37. Zilani , a gente pode enxergar Deus nos pássaros também . Adorei o poema . Beijos

    ResponderExcluir
  38. Linda e singela poesia!
    O passarinho lamenta por nós,humanos.O que nos tornarmos?O que fizemos com nossa Grande Mãe,Terra?O que fizemos com ele,passarinho?O motivo do seu pranto,do seu desencanto,de sua solidão está configurado em nosso dia-a-dia.Talvez,até esquecera de voar. #somostodospassarinho

    Beijão,Zi!Dani.

    ResponderExcluir
  39. Boa noite Zilani.
    Belo e triste poesia.
    Beijos

    ResponderExcluir
  40. Viva Zilani
    Hoje tive um tempinho extra, para poder ler e comentar como deve de ser.
    Normalmente uso o G+1 para marcar presença, mas nem sempre me satisfaz.
    É um privilégio ler escritos bons, e eu vou tentar ser mais presente.
    Abraços e beijos. D

    http://acontarvindodoceu.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  41. Discernir entre a alegria e a dor é um "feito" que á maioria dos humanos escapa.
    O teu Poema retrata esse teu Dom de perceber as diferenças. Isso é edificante e bom.
    Porque não há mais gente a meditar e a saber escutar os que sofrem e a alegrar-se com os que se alegram?
    Gostei.


    Beijos


    SOL

    ResponderExcluir
  42. Oi Zilani
    por quem choraria o passarinho?
    mesmo assim, ele canta
    Lindo poema!
    bjo
    Zizi

    ResponderExcluir
  43. Zilani:Bom dia, querida.Belíssimo e sensível o seu blog.Dar uma sensação de paz....estar aqui.O poema é romântico e nos traz uma viagem ao nosso ser! Creio que estou com este pássaro!Mas a cada dia, é uma nova esperança.Obrigada pelo seu carinho.Já sou nova leitora e sempre que possível, estarei por aqui saboreando seus escritos.Bjs e que Deus ilumine os seus passos!

    ResponderExcluir
  44. Tenha um abençoado fim de semana.
    beijinhos
    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  45. Oi Lani, que triste!!
    Tenha uma ótima semana, beijos!!

    ResponderExcluir
  46. Uma maravilhosa poesia que se multiplica em tantas mensagens.!~
    Mas o choro de uma ave, de tão belo, quem o escuta como pranto?
    Beijinhos Lani

    ResponderExcluir
  47. Que poema lindo , és uma das melhores poeta que eu li,obs que a tua seguidora Arione Torres achou triste,mais ela ja tem uma carinha triste ,se alegra menina a vida e bela

    ResponderExcluir
  48. Olá, boa noite, para você.

    Viver, e seguir desafiando a felicidade.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  49. Ao ler o seu excelente poema, lembrei-me de Florbela Espanca:
    "Toda a noite o rouxinol chorou,
    gemeu, rezou gritou perdidamente"...
    Beijo.

    ResponderExcluir
  50. Un hermoso poema.

    Un abrazo. Feliz fin de semana.

    ResponderExcluir
  51. É bom saber escutar o canto das aves!

    Beijo

    ResponderExcluir
  52. Boa tarde,
    Poema triste mas belo, o homem com a sua ambição sem limite destrói aos poucos a natureza, o seu poema confirma que todos os seres vivo são possuidores de sentimentos e sofrimento.
    Dia feliz
    ag
    http://momentosagomes-ag.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  53. Olá, Lani amiga!
    Um passarinho, por si só, já nos encanta o olhar. Quando canta, nos deixa em plena harmonia com a natureza. Lendo a sua poesia, tive a completude dessa bela manhã de sábado aqui, na chamada Terra da Luz...
    Obrigada!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  54. Boa noite Zilani.
    Vim lhe desejar um més de junho de muitas alegrias,e que Deus possa preencher toda a lacuna que possa esta nesse coração tão sensível.
    Amiga, uma linda noite.
    Beijos

    ResponderExcluir
  55. Passando pra deixar um beijão!
    Me avisa quando atualizar?

    ResponderExcluir

  56. Olá Boa noite!
    Primeiro lugar, linda poesia e fiquei a imaginar quando morava no campo e ficava envolta a natureza ouvindo o canto dos passarinho.Amiga, grata pela vista que adoro, desculpe a minha ausência, alguns fatores contribuem para a minha demorar nas visitas. Por exemplo a minha net, anda péssima, já tentei descobrir até santos protetores da net e não é que me enviarão KkkKk, período de provas, o reumatismo me atacando, com a idade só complica, cheguei a pensar em parar por um tempo com os blogs. Entro no face, mas quando está lenta nos blogs não consigo. Como não desisto fácil, e quando ela melhora, estou aqui,reúno forças, supero as dores na coluna e mesmo com o comentário colado passo para deixar o meu carinho e agradecimento.
    Deixo este pensamento de Vinícius de Moraes
    “Preencha o arco íris da sua alma com sua cor favorita,
    feche os olhos e sinta a batida da vida, sinta o ritmo do
    que transborda o teu sorriso, seja dona do seu próprio
    paraíso, feche os olhos e permita-se entrar no melhor
    lugar que existe dentro de você. Vinícius de Moraes “
    Abraços, fica na paz de Deus, uma linda noite e um amanhecer abençoado.

    ResponderExcluir
  57. Bela obra Zilani!
    Sensível, reflexiva, bem escrita!
    Grande abraço e sucesso!

    ResponderExcluir
  58. NESTE RECANTO . BJ. MMS

    ResponderExcluir
  59. Todos nós guardamos na lembrança
    um momento bom com um amigo.
    Na memória as lembranças daqueles
    que souberam nos conquistar.
    Não se trocam as amizades, conservam-se os amigos
    para compartilhar as alegrias e possível tristezas .
    Meu carinho e agradecimento .
    uma abençoada semana beijos no coração.
    Carinhosamente..Evanir..

    ResponderExcluir
  60. Zilani
    passando pra desejar que tenha uma linda semana
    bjo
    Zizi

    ResponderExcluir
  61. La sensibilidad hecha poesía, muy bello.
    Un abrazo para ti y una linda semana.
    mar

    ResponderExcluir
  62. "Aqueles que passam por nós, não vão sós,
    não nos deixam sós.
    Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós." (Antoine de Saint-Exupéry)
    Uma linda e abençoada semana.
    Beijos Marie.

    ResponderExcluir
  63. Querida Lani
    O choro do passarinho! Talvez a síndrome do ninho vazio!
    Ou qualquer outra das hipóteses que colocou no seu belo poema!
    Muitos parabéns.
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderExcluir
  64. Tenha um belo dia.
    beijinhos
    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por sua visita!

Seu comentário é sempre bem-vindo!

Beijos, Zilani Célia.