Seguidores

Recanto das letras

domingo, 30 de março de 2014

CRUELDADE...


  
De joelhos, me posto,
Ante ti, cruel verdade,
Deixo, que me arranques do sonho,
E me exponhas, à dura realidade...

Abres meus olhos com os dedos e vejo o que não quero,
Arrastas-me, pelos cabelos, me abres sem dó, o peito,
Acendes os holofotes do palco embolorado,
E me expões como caça, morta em holocausto...

E assim cruel verdade, louca, alucinada,
Gritas-me impropérios, rindo, realizada,
Maldosa, me fizeste ver, o que sou agora,
Nada, do que pensava ser, eu mesma me enganava...

Enquanto a plateia de zumbis, a verdade, aplaude,
Um anjo se sobrepõe, a minha triste imagem,
Arruma meus cabelos, com um manto azul, me cobre,
E pela mão me leva... Para a mais linda viagem...

Lani                                  (Zilani Celia)






102 comentários:

  1. Bom dia Zilani Célia

    Lindo...Maravilhoso este poema. Parabéns!


    Beijo, e uma otima semana.

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Zilani
    É melhor viver com a verdade aterradora do que a doce falsidade,
    Quando acordamos e colocamos um sorriso no rosto, o dia promete ser maravilhoso. Então faça com que seu dia seja assim... simplesmente um luxo!
    Muita luz e paz nesta semana. Beijos e afagos no coração.
    Gracita

    ResponderExcluir
  3. Os anjos sempre aparecem e levam-nos à grandes viagens em verdades e sem falsidades.
    Lindo demais amiga Zilani.
    bjs
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  4. Uma viagem assustadora!
    Felizmente, no final veio um anjo salvador para fazer o resgate...
    Abraços, Zilani!

    ResponderExcluir
  5. LANI MINHA QUERIDA SEMPRE BOM LER-TE !!! VER-TE !!! INTENSO E BELO !!! !!! VERDADES QUE SEMPRE ACONTECEM !!! BOM REFLETIR NA ALMA !!! PARABÉNS !!! UM BEIJO GRANDE Pedro Pugliese

    ResponderExcluir
  6. Em seu poema, li a vida... Com seus ajustes que temos que passar para enfim buscarmos a paz do que realmente fomos e somos.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Mi querida Zilani ! Hermosos versos. Me encanta visitar tu blog. Me hace mucho bien. Te dejo todo mi amor.
    Muacksssss
    ¡FELIZ SEMANA !!

    ResponderExcluir
  8. Oi, Zilani...enquanto li, muitas imagens vieram e além do além muitas palavras para decodificar o sentido da complexidade do texto.O que restou diante da vaidade, da matéria que se esvai, dos erros e dos acertos, diante da cruel verdade? O Anjo da Misericórdia!Linda e verdadeira mensagem poética...gosto muito e é sempre muito boa a sua poesia.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  9. Lindo amiga Zilani prazer enorme ao ler texto tão significativo
    de sentido diferente a cada um que o ler profundo e ao mesmo tempo sutil
    dificil acordar de um sonho que se deseja perpetuar ,mas é sempre nescesario voltarmos a vida real linda semana para voce bjs marlene

    ResponderExcluir
  10. Tem duras realidades que são mais crueis que
    a própria crueldade.
    beijinhos tenha uma ótima semana.
    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Por muito cruel que seja a verdade é sempre preferível à mentira. E nenhuma crueldade é tão poderosa que o anjo do amor não possa vencer.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderExcluir
  12. A dura verdade. A mais dura de todas, porque irremediável. O único mal irreparável que acontece quando a contingência não consegue dar outro caminho, embora para muitos, morrer não seja acabar, mas "a suprema manhã". Neste caso, esse anjo guiará para a próxima viagem.
    Poema de excelência, Zilani!
    xx

    ResponderExcluir
  13. "E pela mão me leva... Para a mais linda viagem..."
    Linda conclusão! Gosto do versículo: "Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida..." João 14.6.

    Um Beijo e Boa Semana!!!

    ResponderExcluir
  14. Se a humildade habita em nós, há sempre um anjo que nos esconde das humilhações e nos conduz "[... Para a mais linda viagem...]".


    Beijos


    SOL

    ResponderExcluir
  15. A gente viaja no poema para concluir que há de fazermos a mais linda viagem.É um prazer ver a tua inspiração.
    Abração.

    ResponderExcluir
  16. Este é o por-vir, o deixar para trás as mentiras, o descobrir que somos menos do somos, este deveria ser o nosso verdadeiro credo. Um belo poema!
    Beijo, Zilani!

    ResponderExcluir
  17. Liberdade sempre!
    Não sabe pergunta
    Quem é aquela gente
    Crueldade nunca!

    Loucura sim!
    Disparates não
    Flores no jardim
    Rosas em botão!

    Um abraço para você
    amiga Zilane Célia.
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  18. Amiga Lani!
    Muito obrigada pelas palavras deixados no meu blog, aos poucos vou me recuperando.

    Gostei imensamente o que escreveste. Vale mais uma dura verdade do que uma doce mentira. Amiga os valores estão invertidos, mas nem todos são cruéis, ainda existe pessoas de boa alma. Adorei o final da sua poesia. Um manto azul cobre e o anjo vem consolar uma alma sofrida com as decepções da vida.

    Bom postei, mas estou indo devagar e sempre.

    Beijos
    Uma excelente semana para você.Nati

    ResponderExcluir
  19. Que saibamos viver na verdadeira simplicidade que Deus nos ensinou ,um majestoso poema querida amiga ,muitos beijinhos Emanuel

    ResponderExcluir
  20. É Segunda, mais uma semana comesando.
    Com o coração feliz por estar hoje aqui na
    sua casinha virtual.
    Coisa que ultimamente esta um pouco difícil
    conseguir retribuir o carinho que recebo.
    A vida é abençoada quando acreditamos no impossível
    mesmo quando alguns nos insentiva
    a desistir . E desistir é para os fracos,
    todos nos podemos superar nossos medos
    e nossas dificuldades e continuar.
    Graças : A Deus procuro absorver só
    aquilo que eleva minha alto estima.
    E procuro de alguma forma entender o porque no lugar
    de nos dar as mãos passando segurança,
    e sucesso mesmo que percebemos
    que o futuro ainda é muito incerto.
    A vida é o bem mais precioso ,
    que Deus nos deu eu incentivo
    vamos que vamos vale a pena,
    porque minha alma nunca foi pequena.
    Uma semana na paz e na luz de Jesus.
    Beijos e carinhos para você.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  21. Depois de ler este lindo poema desejo que a viagem seja mesmo linda!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  22. Sabe, Lani, tao gostoso quando no meio de alguma secura se encontra um oasis. E nesta crueldade, eu consegui ver beleza!,
    Aqui ha poesia, sim!
    Beijinho meu!

    ResponderExcluir
  23. A verdade, mesmo cruel, nos oferece o verdadeiro conhecimento de nós mesmos. Por pior que nos sintamos após essa exposição, ela nos trará novos e benditos caminhos. Bjs.

    ResponderExcluir
  24. Lindos versos, Zilani!
    Sempre belas obras encontro por aqui.
    Grande abraço e sucesso!

    ResponderExcluir
  25. Bom dia Zilani.
    Intrigante e lindo poema, cada um da faz a sua própria intrepretação,a minha foi assustadora rsrs,a verdade seria morte que via com total crueldade,lhe tirando a vida ainda cheio de sonhos,mas ao final só seria uma linda viagem ao desconhecido mais não temido aos que a Deus entrega a sua vida.
    Acho que a minha imaginação anda muito fertil rsrs.
    Mas a verdade sempre é mais digna,a mentira é destruidora.
    Zinali quero lhe agradecer pela suas palavras tão gentis.
    E lhe desejar que o més que se inicia lhe traga tudo que almeja,que seja um lindo més de profunda alegria.
    beijos.

    ResponderExcluir
  26. Há sempre um anjo em nossas vidas a suavizar todas as crueldades...
    Beijos.

    ResponderExcluir
  27. Olá, zilani!

    Sempre será difícil conviver com a verdade que nos magoa e faz doer. Mas viver de ilusões também não será opção de vida, ainda que elas tornem a vida mais fácil de viver. E então é sempre bom termos uma mão a que nos agarrar...

    Muito bem escrito, na sua imensa tristeza.

    Um abraço e boa semana.
    Vitor

    ResponderExcluir
  28. Zilani que lindo poema é muito inspirador, Zilani tenha uma ótima terça-feira beijos.
    http://www.lucimarestreladamanha.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  29. Belo, Zilani! Gosto da facilidade com que viajas na poesia. Boa semana!

    ResponderExcluir
  30. Zilani,poema muito forte e lindo! Muitas vezes é dificil encararmos nossas verdades e talvez só a encaremos mesmo nos nossos momentos finais...bjs,

    ResponderExcluir
  31. Nunca vira uma crueldade tão bela num poema e imagem!
    Beijinho, Lani

    ResponderExcluir
  32. NA CARRUAGEM DE CONTOS DE FADA!
    BJU. MARLENE S.

    ResponderExcluir
  33. Lindo, forte, profundo e tão real! Adorei o poema. Obrigado por brincar por lá! E muita gente não conhece mesmo pandorgas! bjs,chica

    ResponderExcluir
  34. Boa noite Zilani ,adorei receber vc no meu cantinho ,também estou triste de não poder mais seguir os blogs .Adorei seu poema muito lindo , bjs.

    ResponderExcluir
  35. Que a viagem seja linda como o teu poema!

    ResponderExcluir
  36. Querida Lani
    A verdade, muitas vezes, é cruel!
    Esta constatação deu origem a um belo poema, muito profundo, sobre um momento a que ninguém pode fugir! Parabéns pela sua composição.
    Beijinhos
    Beatriz

    ResponderExcluir
  37. Olá, Zilani.
    Obrigada por sua visita ao Ruas e papéis. Gostei também daqui e estou seguindo seu blog.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  38. Olá amiga! Lindo e profundo o teu poema, principalmente a estrofe abaixo:

    Enquanto a plateia de zumbis, a verdade, aplaude,
    Um anjo se sobrepõe, a minha triste imagem,
    Arruma meus cabelos, com um manto azul, me cobre,
    E pela mão me leva... Para a mais linda viagem... Enquanto a plateia de zumbis, a verdade, aplaude,
    Um anjo se sobrepõe, a minha triste imagem,
    Arruma meus cabelos, com um manto azul, me cobre,
    E pela mão me leva... Para a mais linda viagem...

    Beijos e uma ótima quarta-feira para ti e para os teus.

    Furtado.

    ResponderExcluir
  39. Muito profundooooo, eu ameiii, o que tem de zumbi por aí que sempre querem nos impedir de ser nós mesmos, que adianta ser aplaudida pela sociedade zumbi se você não pode ser você mesma? Ainda bem que existem os anjos (amigos) que sempre irão nos amar do jeitinho que somos, e se estivermos tristes farão de tudo para nos confortar e nos alegrar, estes sim são os amigos de verdade, beijinhos florrr! Obrigada pela reflexão!

    ResponderExcluir
  40. Belissimo poema com imagem a condizer.

    Mas, amiga, por muito dura que seja a verdade eu a prefiro à mentira, ainda que piedosa.

    Abraço fraterno, rrss

    ResponderExcluir
  41. Se a verdade é algo de real, um facto verificável, claro que deve ser preferível à mentira.
    Mas há sempre o sonho para nos transportar em tules esvoaçantes. E o nosso interior que devemos povoar de auto-estima. Além de ousar ser diferente perante uma massa acéfala...
    Bela reflexão poética.
    Bjo, Zilani :)

    ResponderExcluir
  42. Lani ! Lindo o teu poema,mais um poema lindo como todos os outros que eu já tive a oportunidade de ler.bjos.

    ResponderExcluir
  43. A verdade no real encontro consigo mesma, no mais profundo do ser, onde o anjo é a luz que emana da pureza da alma. Belo e profundo. Muita luz e paz. Beijo no coração.

    ResponderExcluir
  44. Zilani, enquanto lia o poema imaginava tudo o que era descrito. O final, então, é tocante. bjs

    ResponderExcluir
  45. Poema tocante, pois ali em suas linhas revela o que a crueldade é capaz de fazer a nós simples humanos. Lindo poema, bom para refletir!

    Abraços e aguardo sua visita :D
    Boa Noite!

    ResponderExcluir
  46. Adorei seu poema muito bonito, forte, intenso e profundo.
    Uma obra de arte como todos que publica.

    Senti... Degustei e deixo o silêncio falar... A emoção voar nas vossas palavras.
    Prendo o momento e vou como sempre desejando voltar.

    Receba meu abraço Zilani e tudo de bom pra ti.

    ResponderExcluir
  47. Por mais intensa e dolorosa que seja a verdade, sua verdade trará calmaria e dias felizes.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  48. E sempre há de ter um anjo para nos conduzir para a mais bela viagem...
    Lindíssimo e emocionante poema, Zilani querida
    Um beijinho carinhoso para tí e afagos para a Candy
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
  49. Nossa, Zilani!!!
    Poema forte, faz refletir... Nem sempre os aplausos indicam algo bom...
    Perfeito, parabéns!

    Abraços e linda tarde.

    ResponderExcluir
  50. A verdade deveria ser uma constate nas nossas vidas, pois ela significa honestidade e sinceridade nos sentimentos e atitudes, mas ela é quase sempre cruel, porque não é bom sabermos que não fomos verdadeiros, e bem pior quando sentimos que não foram sinceros para connosco. Custa muito aceitar certas verdades impostas pela vida e por mais que saibamos que ela é que decide, que ordena, que nos obriga a vivê-la, apesar das crueldades,, é por vezes muito difícil concordar com a sua verdade.
    Mas aqui há uma verdade nada cruel, a tua bela poesia que nos traz sempre uma mensagem para reflexão. Beijinhos e até sempre.
    Emília

    ResponderExcluir
  51. Oi Zilani!

    Uma linda msg, sempre será melhor viver a realidade, por mais dura que pareça ser.

    Bjos amiga

    ResponderExcluir
  52. Boa noite
    Vim para lhe desejar tudo de bom
    Abraço amigo
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  53. Lindo anjo que nos socorre.
    Um texto maravilhoso, profundo e sensível, como tudo o que escreves
    Um grande abraço Zilani e um lindo final de semana, bjs.

    ResponderExcluir
  54. Zilani , seu intenso poema , a meu sentir , nos fala de esperança , quando clamamos pela vinda do anjo misericordioso . Ele me socorreu , muitas vezes . Então , poeta , só lhe agradecendo a partilha . Beijos

    ResponderExcluir
  55. Querida Zilani.
    Passando para lhe desejar um final de semana repleto de alegrias.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  56. Veritá

    Há, contudo, a verdade verdadeira
    Da qual ninguém escapa nesta vida
    Que na última, na hora derradeira
    De nada adianta alma arrependida.

    E vivamos de bem com todos então
    Vive bem quem se renova cada dia
    E põe naquilo que faz grande paixão
    E faz exatamente aquilo que queria.

    Vivendo a verdade a vida flui mansa
    Sem qualquer percalço ou desalento
    Quem assim vive, corre e não cansa.

    Vivendo pois colocando sentimento
    O supra-sumo do universo se alcança
    Usufruindo o melhor, cem por cento.

    ResponderExcluir
  57. Boa tarde, Lani. A verdade pode ser cruel e até não descobrirmos o que ela quer exatamente de nós, mas estamos prontos para esperar que ela nos mostre o caminho que devemos seguir, pois ainda com a surpresa da descoberta de nós mesmos, ainda que negativa, ela sempre será melhor do que qualquer doce e tola ilusão mentirosa!
    Parabéns!
    Excelente fim de semana de paz!
    Beijos na alma!

    ResponderExcluir
  58. Zilani, desejo-lhe um fim-de-semana cheio de lindas viagens!!!
    Beijinhos ;)

    ResponderExcluir
  59. A verdade nem sempre é fácil de ouvir ou de dizer.
    No entanto eu considero que é sempre desejável.
    Bonito poema.
    Desejo que esteja bem.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderExcluir
  60. Que maravilhosa sua poesia! Nem sempre conseguimos nos ver como somos realmente. bjs,

    ResponderExcluir
  61. Oi, Lani!

    A crueldade é um daqueles sentimentos ruins, que deveria ser eliminado, de entre nós, mas, nós somos tão imperfeitos, que ela, infelizmente, continua.
    Em seu poema, tudo começou mal, mas graças a Deus, termina muito bem. Assim, fosse sempre.

    BFS.
    beijos.

    ResponderExcluir
  62. UN TEXTO MUY FUERTE Y TRISTE.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  63. .

    .

    . a verdade . quando nos sacode e invade . traz.nos também a possibilidade . de escolha após escolha . encontrarmos a felicidade .

    .

    . um grande beijinho . zilani .

    .

    .

    ResponderExcluir
  64. Oi querida Lani, não faça isso, a realidade pode ser cruel, mas deve-se sempre sonhar!
    Beijos e boa semana!!

    ResponderExcluir
  65. Poema complexo e belo...De uma verdade, mesmo na dor, nos recuperamos para seguir em frente...
    Um abraço, Lani, ótimo domingo.

    ResponderExcluir
  66. Um belissimo poema em forma de oração da mais profunda certeza do encontro com o ser em toda sua complexidade e beleza onde se misturam alegria e dor.
    Parabens Zilani pela arte.
    Carinhoso abraço amiga e belo domingo a voces.
    Beijo de paz amiga.

    ResponderExcluir
  67. Boa noite, Lani. Fui colocar um antispam no blog e acabou bloqueando e não tem como corrigir, pois não aparece mais a página digitar o html. Sentida, vou ter que excluí-lo, mas já estou providenciando refazer. Grata pelo carinho. Vou te ver lá no recanto. Luz e paz. beijo

    ResponderExcluir
  68. Oi Zilani! Voltando para agradecer a tua visita e gentil comentário, bem como desejar um ótimo domingo para ti e para os teus.

    Beijos.

    Furtado.

    ResponderExcluir
  69. É Zilani, a verdade é dura e cruel, deve ser irmã gêmea da realidade...Ainda bem que existem anjos e sonhos! Um beijo!

    ResponderExcluir
  70. Olá Zilani! Desejo-lhe uma exc elente semana.
    Bjs

    ResponderExcluir
  71. Zilani
    Eu assustei também, mas os anjos existem pra nos oferecer segurança e proteçao. Ainda bem!
    com carinho Monica

    ResponderExcluir
  72. Boa semana, Zilani. Aguardo o próximo post!

    ResponderExcluir
  73. ¡¡Zuuuuuuuuuuuuuuuuuup!!
    La verdad, la mentira, las dos caras de nuestra alma, razón de ser del ser humano, y los ángeles por centinelas. Precioso poema de meditación profunda con gran sabiduría. Besos querida amiga, de la brujita MORIMÓ.

    ResponderExcluir
  74. A verdade pode doer...mas será sempre um escudo contra surpresas ardilosas.
    Poema magnífico para pensar e reflectir muito.
    Beijo e boa semana.
    Graça

    ResponderExcluir
  75. Oi Lani
    Hoje estou passando para avisar que o blog “gracita” foi excluído por um capricho da tecnologia. E como a Fênix estou renascendo... Uma nova casa virtual já foi criada. E eu espero contar com a tua amável companhia. Que os laços de amizade que estreitamos nos dois anos de convivência no “gracitamensagens” se estenda à minha nova casa, “Momentos de Amor e Poesia” Acesse para conhecer... http://momentosdeamorepoesia.blogspot.com.br/
    Que o teu dia tenha o doce aroma das pétalas de rosas.
    Que o Criador derrame sobre você pétalas de amor
    para que o seu dia seja iluminado.
    Com carinho deixo um beijo perfumado pra ti.
    Gracita

    ResponderExcluir
  76. Minha querida amiga Zilani.
    Peço desculpas pela demora
    em voltar no seu blog.
    Amiga na postagem anterior eu postei um dos seus poemas
    infelizmente nem pude vir no seu blog.
    Como sou autorizada a postar venho agradecer o carinho e a confiança ,
    que sempre depositou em mim.
    Que Deus abençoe sua semana beijos no coração,Evanir.

    ResponderExcluir
  77. in those past years,the clothing which caused traffic accident

    لدينا ملابس تجعلك تشعر بأنك أصغر سنا، وأكثر جاذبية، وأكثر جمالا

    كل فستان الدانتيل الأسود

    ResponderExcluir
  78. .How to earn one million in the most short time by wholesale-dress.net

    cجميع أحذية عالية الكعب
    تأتي فقط على موقعنا على شبكة الإنترنت، هذا بدلة أنيقة لك، لا تقلق حول الملابس المستوردة باهظة الثمن، ونحن الأرخص في العالم موقع ويب، أرخص مما كنت أكل الغداء

    ResponderExcluir
  79. How to earn one million in the most short time by wholesale-dress.net

    هل تريد حقيبة أنيقة لظيفة؟
    كل حقيبة يد الموضة
    تحديد حقائب الموضة كل امرأة جميل

    ResponderExcluir
  80. How to earn one million in the most short time by wholesale-dress.net

    لديناالصنعةالجميلةمجوهرات,ذاتجودةعالية,كانيتاجربعيداأفضلخيار

    كل فستان الدانتيل الأسود

    ResponderExcluir
  81. Bom dia Zilani! Também consegui seguir-te! Aparentemente, o problema do blogger está resolvido ;)
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  82. Oi Zilani!
    Vim te desejar um lindo dia e deixar aquele mega abraço esmagador.
    Fica com Deus!!!

    ResponderExcluir
  83. Boa tarde Zilani, Verdadeiro porém triste se poema.... que sua semana seja muito iluminada... bjks Loiva

    ResponderExcluir
  84. Oi Zilani! Mais uma vez, passando para agradecer a visita e comentário, bem como para desejar uma ótima tarde para ti e para os teus.

    Abraços,

    Furtado.

    ResponderExcluir
  85. Olá Lani!
    Um poema emocionante que mexe com o que de mais profundo existe dentro de nós. Embora todos tenhamos como certa essa viagem, e, por mais bela que ela possa ser, desejamos fazê-la o mais tarde possível, mesmo que acompanhados por esse Anjo de Luz...:)
    Beijinho e parabéns pela excelência poética.

    ResponderExcluir
  86. Olá Lani!
    Eis um belo poema que fala de algo muito importante. A verdade por vezes é muito dura de ouvir e de dizer! Penso que há situações em que se deve omitir para não levar ao desespero as pessoas que estão em situação difícil. Gostei e fez-me pensar. Um abraço.

    ResponderExcluir
  87. Passando para reler suas lindas poesias e desejar uma boa noite! bjs,

    ResponderExcluir
  88. Que esses anjos a levem sempre para um linda viagem dentro de si mesma e seu coração,enchendo os nossos de tanta beleza ao poetar,amiga Zilani.

    Beijos

    Donetzka

    ResponderExcluir
  89. Olá Zilani
    Você está a bordo de um novo dia. Diga: bom dia, dia! Bom dia, vida! Bom dia, sensibilidade! Bom dia, fé! Bom dia, coragem! Bom dia, talento! Bom dia, trabalho! Bom dia, alegria! Bom dia, felicidade!
    Obrigada por sua companhia no meu novo espaço
    Bom dia pra você!
    Beijos com carinho e ternura
    Gracita

    ResponderExcluir
  90. Deslumbrante seu poetar Zilani!
    Você tem o dom para dizer o que está em seu coração e o diz com maestria e doçura eu amo.
    Parabéns querida!
    Beijinhos no coração e lindas inspirações.

    ResponderExcluir
  91. Olá Zilani!
    Do seu belíssimo poema, muito se pode refletir...inclusive, que a verdade, mesmo sendo desejável, não é superada em grandeza pela compaixão.
    Um grande abraço!

    Bíndi e Ghost

    ResponderExcluir
  92. Zilane
    Alem de reler o poema, agradeço por voce me dar uma forcinha pra que os jovens nao esqueçam daquele tempo de ditadura.
    Mesmo que seja por musicas .
    com carinho Monica

    ResponderExcluir
  93. vim dar um oizinho e reler novamente :) e mais uma vez até arrepiei, tão profundo, lindoooo! beijinhos Zi

    ResponderExcluir
  94. Lindíssima e ao mesmo tempo,dura poesia.
    Esta realidade enfadonha,perversa...chata!
    Esperando meu anjo...

    Beijão pra ti,e obrigada pela visita lá no blog!Dani.

    ResponderExcluir
  95. Minha querida

    Há verdades que nos magoam demais, mas é preferível a viver sem saber.
    Como sempre escreves com o mais profundo de ti.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  96. Hola Zilane, es una lucha entre la verdad y la mentira, que se nos hace cruel, pero puestos a reflexionar, siempre hallaremos Quien nos restará de ese sufrimiento.
    Un abrazo
    Sor.Cecilia

    ResponderExcluir
  97. Olá, Lani!

    Tudo bem?

    Li, agora, seu mais recente poema, e como sempre, aqui há taento e sensibilidade.

    Passando para te dizer que ocultei, temporariamente, meus dois blogues, só que o Blogger diz, quando vocês os visualizam, que se destinam apenas a LEITORES CONVIDADOS, e que solicitem convite. PURA MENTIRA.

    NINGUÉM, a não ser eu, os vê, nem os pode comentar, essa é a verdade.

    Por questões profissionais, precisei de parar, e, também minha mão direita está ficando muito cansada e até um pouco deformada, de tanto escrever. Tive de parar, mesmo.

    Eu tinha de dar essa explicação a você, porque somos amigas, de verdade.

    DIAS BEM FELIZES.

    Beijos para você, com estima.

    ResponderExcluir
  98. Retificando: Talento.

    Beijussssssssssss.

    ResponderExcluir
  99. Amiga Zilani,
    É sempre uma grande satisfação ler os seus versos e ter a oportunidade de compartilhar o seu pensamento .
    Geraldo

    ResponderExcluir
  100. Retribuindo a visita, Zilani!

    Adorei teus escritos. São muito, muito bons.

    Abraços.
    www.dilemascotidianos.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigada por sua visita!

Seu comentário é sempre bem-vindo!

Beijos, Zilani Célia.